Contabilidade

 A contabilidade é, na prática, a ciência da riqueza. Para os teóricos importantes dessa área de conhecimento, é uma ciência ou serviço social que estuda e coloca em prática funções de registro e controle relativas a atos e fatos da Economia e da Administração. De forma específica, estuda e controla o patrimônio  das empresas por meio de registros contábeis dos fatos e suas respectivas demonstrações de resultados produzidos.

Por isso, é fundamental para empresas de todo o porte. A contabilidade é a ciência que auxilia no processo de administração de um negócio, tendo papel crucial na tomada de decisões. Com informações e relatórios que somente um contador pode compreender, o empresário sozinho nada faria com dados tão relevantes. 

Assim, em uma definição moderna de contabilidade, falamos que é a ciência da riqueza. Ou, em outras palavras, o instrumento auxiliar na administração empresarial e na tomada de decisões. 

Disso, é possível imaginar o papel e a importância da contabilidade.

Qual o papel da contabilidade?

A contabilidade pode assumir vários papéis. O primeiro deles se relaciona a seu objetivo, que é fornecer informações econômicas para governos, fornecedores, bancos, investidores, funcionários e sindicatos. Cada grupo principal de usuários dessas informações poderá, a partir delas, avaliar a situação econômica e financeira da empresa e fazer inferências sobre suas futuras tendências.

Essas informações envolvem contas a pagar e a receber, patrimônio, etc. A partir disso, são geradas as demonstrações contábeis, tais como Balanço Patrimonial, Demonstração do Resultado do Exercício, Demonstração de Lucros ou Prejuízos Acumulados e Demonstração de Origens e Aplicação de Recursos.

Existem também dados que não são facilmente indicados nas demonstrações contábeis. É o caso de mudança de critério contábil, taxas de juros, e taxas de depreciação do ativo imobilizado. Esses dados são demonstradas nas Notas Explicativas, mas também fazer parte do papel da contabilidade.

A partir dessas informações relevantes (que podem parecer mera burocracia), a contabilidade assume seu papel mais impactante, porém menos conhecido: a ciência da riqueza. Um bom contador utiliza todos esses dados para analisá-los dentro de um contexto gerencial. Após compreendê-los, repassa ao empresário, em linguagem acessível, como eles influenciam no negócio.

É neste ponto que a contabilidade assume o papel de instrumento necessário no processo de tomada de decisões de pequenos e grandes negócios. Em suma, os dados econômicos são coletados, mensurados monetariamente, registrados e organizados em formas de relatórios ou comunicados para o empresário. Munido dessas informações, ele traça as melhores estratégias para o negócio.

Podemos dizer, assim, que o papel da contabilidade é medir os resultados das empresas, avaliando o desempenho dos negócios, e, a partir daí, dar diretrizes para as tomadas de decisões.